Liga das Séries » Arquivos » The Walking Dead diminuiu a violência nas cenas devido a resposta negativa à premiere da 7ª temporada
Danai Gurira as Michonne; Michael Cudlitz as Sgt Abraham Ford; Lauren Cohan as Maggie Greene; Andrew Lincoln as Rick Grimes; Sonequa Martin-Green as Sasha; Jeffrey Dean Morgan as Negan - The Walking Dead _ Season 6, Episode 16 - Photo Credit: Gene Page/AMC
19
jan
2017
The Walking Dead diminuiu a violência nas cenas devido a resposta negativa à premiere da 7ª temporada
Postado por Débora, emAMC, News, The Walking Dead

Os produtores de The Walking Dead reduziram a violência explícita da série depois da resposta negativa dos fãs à estréia da 7ª temporada, disse a produtora executiva Gale Anne Hurd.

“Nós pudemos ver o feedback sobre o nível de violência”, disse Hurd durante um painel na Associação Nacional de Executivos de Programa de Televisão em Miami, de acordo com a Variety. “Nós diminuímos esse nível nos episódios que ainda estavam filmando.”

A estréia da temporada caracterizou o personagem Negan (Jeffrey Dean Morgan) batendo nas cabeças de dois personagens com um bastão de beisebol com arame farpado em uma exibição de violência que alguns espectadores e críticos acharam excessiva.

“Este não é um show que é pornografia de tortura”, disse Hurd, acrescentando que a resposta à estréia fez com que os produtores tomassem maior consideração para que “não cruzemos essa linha”.

Não está claro sobre quais episódios receberam o tratamento atenuado, e The Walking Dead certamente continuará sendo um dos shows mais violentos na TV, uma vez que a violência brutal é fundamental para a sua identidade. Mas a segunda metade da 7ª temporada é dita ser mais “divertida”, por isso será interessante ver se a violência é visivelmente diminuída.

Leia também



Parceiros