Liga das Séries » Arquivos » Caroline menciona Klaus em TVD – Mas onde ele foi parar?
klaus the originals
09
maio
2016
Caroline menciona Klaus em TVD – Mas onde ele foi parar?

Não sei vocês, mas nós amamos o momento em que Klaus Mikaelson foi mencionado no último episódio de The Vampire Diaries – mas o que podemos entender do que foi dito, exatamente?

No caso de você precisar de um lembrete, o momento ocorreu quando Caroline estava discutindo com Stefan e disse: “Enquanto isso, eu estava tão desesperada que eu pedi ajuda a Klaus – que está longe de ser encontrado, por sinal.” Ela estava, naturalmente, referindo-se a sua visita a New Orleans durante a o flashfoward de The Vampire Diaries no início deste ano.

“É definitivamente uma dica,” embora não necessariamente seja algo romântico, a produtora executiva Julie Plec diz ao TVLine. “Este ano, como já mostramos, The Vampire Diaries e The Originals estavam compartilhando de um mesmo universo. Como sabemos a partir de The Originals, há uma profecia prevendo o desaparecimento da família Mikaelson, então foi uma pequena provocação agradável para os telespectadores que ficaram se perguntando: “Espere, o que diabos aconteceu com Klaus?”

Se você estava esperando por mais crossover, não tenha medo. Julie Plec reconhece que é inteiramente possível que The Vampire Diaries e The Originals terá mais conectividade quando suas 8ª e 4ª temporada retornarem.

“É um luxo raro ter duas séries em um universo compartilhado”, diz Plec. “Então, não fazer crossovers parece que estamos perdendo uma oportunidade criativa muito divertida, uma forma de celebrar ambas as séries. Mas não é como se qualquer um no canal estivesse pressionando: ‘Você precisa de dois crossovers este ano.’ Eu acho que seria divertido encontrar maneiras pequenas, que funcionem. Como quando tivemos Matt Donovan aparecendo em The Originals – que não foi considerado um crossover… Ele só fazia sentido já que se os originais fossem em Mystic Falls, eles teriam um encontro com o xerife Donovan. Eu adoraria continuar fazendo coisas assim. É divertido, e é mais fácil de realizar do que um crossover em si.”

Leia também



Parceiros