Liga das Séries » Arquivos » Paul Wesley fala sobre o final de The Vampire Diaries, diz que o fim de Stefan foi “justiça poética”
stefan
15
jul
2017
Paul Wesley fala sobre o final de The Vampire Diaries, diz que o fim de Stefan foi “justiça poética”

Já faz mais de quatro meses que The Vampire Diaries terminou suas oito temporada na CW, e algumas pessoas ainda estão bravas com a forma como as coisas terminaram para Stefan Salvatore, mas seu intérprete, Paul Wesley, não é uma delas.

“Era algo que eu realmente esperava”, ele disse da morte prematura de Stefan, que ocorreu menos de 24 horas depois que ele e Caroline Forbes se tornaram marido e mulher. “Gostaria de deixar em bons termos, porque eu senti que precisava terminar assim. Eu achei que ele realmente precisava morrer”.

Ao contrário de muitos dos fãs que perdoaram Stefan por suas (incontáveis) transgressões ao longo dos anos – porque, sim, é um show sobre vampiros! – o ator não perdoará seu personagem tão fácil.

“Foi justiça poética importante por todas as coisas ruins que ele tinha feito”, continua. “Ele foi um assassino em última instância. Ele havia encontrado tanta redenção, mas ainda estava atormentado. Para mim, ele fazendo esse último sacrifício foi uma ótima maneira de dizer adeus”.

A linha de pensamento dele certamente se alinha com a da showrunner Julie Plec, que tinha a dizer sobre a morte de Stefan em março: “Quando desembarcamos na ideia de que Caroline precisava deixar [Stefan] para trás para proteger sua família e então ele precisava deixá-la para trás para a proteger dele, senti como o resultado responsável de uma relação responsável”.

 

Leia também



Parceiros