Liga das Séries » Arquivos » Deixar o bebê Neal em Storybrooke pode não ter sido a melhor decisão dos Charmings em ‘Once Upon a Time’
ONCE UPON A TIME - "Souls of the Departed" - Emma, Regina, Mary Margaret, David, Robin, Henry and Gold arrive in the Underworld, on a mission to rescue Hook, only to discover that their search will be more difficult than they had anticipated. The inhabitants of the Underworld-all souls with unfinished business and many with quite personal vendettas-hound our heroes at every turn. Meanwhile, in an Enchanted Forest flashback, a familiar face from the Evil Queen's past returns to present Regina with the perfect birthday gift, on the 100th episode of "Once Upon a Time," SUNDAY, MARCH 6 (8:00-9:00 p.m. EST) on the ABC Television Network. (ABC/Jack Rowand)
GINNIFER GOODWIN, JOSH DALLAS
30
mar
2016
Deixar o bebê Neal em Storybrooke pode não ter sido a melhor decisão dos Charmings em ‘Once Upon a Time’

Há um grande drama sobre bebês em Once Upon a Time neste domingo – e não estamos falando apenas sobre o esforço de Rumple para se reunir com sua esposa grávida.

No episódio “Our Decay”, enquanto Rumple tenta transportar Belle ao submundo, Snow White e David tentarão enviar uma mensagem para seu filho pequenino, Neal, que está em Storybrooke. Afinal, o Charmings planejavam se afastarem por um período curto, em nome de encontrar e salvar Hook. Em vez disso, eles e os outros heróis descobriram uma plano maior, que envolve ajudar as pessoas a encontrem seus negócios inacabados. “Sim, não é a melhor escolha”, Josh Dallas diz  ao TV Line sobre deixar Neal em Storybrooke. “Não foi uma boa coisa eles deixarem o bebê para trás, e eles estão sentindo isso.”

Dallas diz que o abandonar o filho por um período de tempo indeterminado, compreensivelmente, é bem parecida com a experiência dos Charmings com sua primogênita, Emma, a quem eles transportaram através de um guarda-roupa encantado, antes da Maldição da Rainha Má dominar a Floresta Encantada. “Eles não querem cometer o erro que eles cometeram pela primeira vez com Emma”, diz o ator. “Portanto, agora que eles deixaram Neal, eles têm que tentar voltar para ele” – ou, pelo menos, mandar uma mensagem a seu filho, com a ajuda da Blind Witch (Emma Caulfield) e uma “cabine de telefone”.

No entanto, apesar de suas melhores intenções, quanto mais tempo no submundo, um regresso a casa se torna mais distante. Especialmente agora que há uma lápide com o nome de Snow nela, e o plano de Emma para dividir seu coração com Killian atingiu um obstáculo desagradável.

“Eles estão sendo puxado em muitos, muitos sentidos”, diz Dallas.

O co-criador Adam Horowitz avisa da crise de consciência dos Charmings, “Há certamente consequências para esse tipo de decisão, onde deixaram uma criança para trás. Há algumas coisas realmente emocionais que eles vão ter de lidar por causa disso.”

As emoções estão em alta para Emma, visto que a sua missão é o que colocou as pessoas neste dilema em primeiro lugar. “Sua família decidiu ir com ela, o que significa muito para ela e é incrível, porque ela nunca teve esse apoio em sua vida antes. Mas também é muita pressão”, observa Jennifer Morrison. “Ela se sente muito preocupada que talvez eles tomaram a decisão errada ao ir com ela – e que ela iria se sentir ainda mais culpada se algo de ruim acontecesse com eles. Ela colocou muita pressão em si mesma para se certificar de que todo mundo está ok”.

Em outra parte no episódio de domingo: Zelena e Regina entram em uma briga e Belle descobre a notícia chocante que vai mudar sua vida para sempre, enquanto que em flashbacks, Hades visita Zelena em Oz com a intenção de atingir uma aliança, e eles se tornam mais do que parceiros no crime.

Leia também



Parceiros