Liga das Séries » Arquivos » Como a bomba de Teddy afetará Owen e a 15ª temporada de Grey’s Anatomy
20
maio
2018
Como a bomba de Teddy afetará Owen e a 15ª temporada de Grey’s Anatomy
Postado por admin, emABC, Grey's Anatomy, Spoilers

[Atenção! Contém spoilers do final da 14ª Temporada de Grey’s Anatomy, então não leia se você não assistiu!]

Owen (Kevin McKidd) vai ter um drama sério na próxima temporada de Grey’s Anatomy – mas não será de quem você suspeita.

Teddy (Kim Raver) voltou da Designated Survivor Alemanha com mais que um presente de casamento para Alex (Justin Chambers) e Jo (Camilla Luddington). A ex de Owen está grávida e apesar de Teddy não ter contado a ninguém, exceto a paciente da semana (Tisha Campbell-Martin), vamos apostar um milhão de dólares que é resultado da viagem improvisada de Owen semanas atrás para tentar convencer Teddy que eles deveriam finalmente ficar juntos. Se Owen não é o pai, por que Teddy concordaria em ficar no Grey Sloan como chefe interina, enquanto Bailey (Chandra Wilson) dedica tempo para se concentrar em pesquisas e outros projetos?

Então, o suposto amor da vida de Owen (Cristina à parte) volta grávida. Isso deve ser uma notícia incrível, certo? Ah não, amigos. A chegada de Teddy e as notícias dela trazem muitas complicações para a próxima temporada.

Vamos começar com o bebê. Desde a viagem de Owen para a Alemanha, ele se tornou um pai adotivo e atualmente já está criando um recém-nascido por conta própria. Faz apenas algumas semanas, mas Owen não é do tipo que desiste de uma criança depois de concordar em recebê-la, especialmente quando a mãe biológica do bebê é uma viciada em recuperação que também mora na casa dele. Owen ainda está tentando se aventurar na paternidade, então adicionar outro bebê na mistura poderia causar um derrame.

Aquela outra mamãe na vida de Owen também não pode ser ignorada. Peyton Kennedy interpreta a mãe adolescente lutando para recuperar sua vida. Ela está hospedada na casa de Owen com Amelia (Caterina Scorsone) enquanto Amelia tenta reabilitar a jovem. Sim, é o mais desajeitado jogo de casa já inventado. Além disso, o final da 14ª temporada também revelou o que todos suspeitavam; Amelia está começando a desenvolver sentimentos reais por Owen e desta vez eles não podem ser culpados por um tumor cerebral gigante. Então Owen se viu com um filho e um potencial interesse amoroso no curto tempo desde que Teddy o expulsou de seu apartamento na Alemanha.

O problema com Teddy e Owen sempre foi o timing. No momento em que qualquer um deles percebe que está pronto para explorar o que há entre eles, o outro se envolveu com outra pessoa. Teddy chegou em Seattle preparada para para começar uma família com Owen, supondo que algumas semanas não poderiam ter mudado seu plano de vida. A revelação de que ele não só se colocou no caminho mais rápido para a paternidade, mas também começou a reacender as coisas com Amelia vai causar um arco dramático. Deixe o triângulo amoroso começar!

Grey’s Anatomy fez triângulos amorosos e batalhas de custódia antes, mas a 15ª temporada parece que vai colocar Owen como o centro romântico de um enredo explosivo. Chegou a hora de Owen e Teddy finalmente descobrirem como seria um relacionamento para eles? Owen deve a Amelia para ver como é a dinâmica deles quando ela não está doente? Mais importante ainda, qual desses relacionamentos – se algum deles – ajudaria Owen a fornecer o ambiente mais estável para ele se tornar o pai que ele sempre quis ser?

Esta bomba terá um efeito cascata que vai se espalhar pela próxima temporada. Apenas algumas coisas são certas porque é de Grey’s que estamos falando: as coisas ficam mais bagunçadas antes de melhorarem e o coração de alguém está ficando eviscerado. Nós mal podemos esperar!

Leia também