Liga das Séries » Arquivos » No aniversário da Batalha de Culloden, os fãs de Outlander estão sendo culpados por danificar o memorial do clã Fraser na Escócia
2000x1331_owjgd2
16
abr
2018
No aniversário da Batalha de Culloden, os fãs de Outlander estão sendo culpados por danificar o memorial do clã Fraser na Escócia
Postado por Débora, emNews, Outlander, Starz

Hoje, 16 de abril, é o marco de 272 anos da Batalha de Culloden, como é conhecida a batalha entre as tropas britânicas e as forças jacobitas, que dizimou os clãs das terras altas da Escócia que apoiavam o Bonnie Prince Charlie em sua campanha pelo trono em 1745. Para aqueles que não estão familiarizados, o combate serviu de divisor de águas para a cultura escocesa, que foi inteiramente proibida durante anos pelos britânicos como punição aos traidores da Coroa.

A história da Escócia e de seus clãs serve de pano de fundo para Outlander, do canal Starz, que é baseada nos livros de Diana Gabaldon. E aparentemente, os fãs da série podem ser um tanto quanto inconvenientes.

Os historiadores que mantêm o Culloden Battlefield, na Escócia, estão culpando os fãs dos livros e série de TV por danificar a área em torno do memorial do Clã Fraser, de acordo com o Daily Record. O gerente da propriedade de Culloden diz que mais de 180 mil pessoas visitaram o campo de batalha no ano passado, um aumento de 28% em relação a 2016. Alguns até deixaram para trás pequenas fotos de Sam Heughan, que interpreta Jamie Fraser no drama da Starz.

A Batalha de Culloden foi mostrada no final da 2ª temporada e no episódio de estréia da 3ª temporada de Outlander. Foi uma breve recriação do confronto real. Na série, Jamie finalmente mata Black Jack Randall (Tobias Menzies).

“Algumas das coisas que vi em Culloden realmente me deram apoio”, diz Alasdair MacNeill, do Circle of Gentlemen, uma sociedade de apreciação jacobita, ao Daily Record. “Muitos dos visitantes são americanos e parecem pensar que estão em um set de filmagem ao invés de um túmulo de guerra real. Eles talvez não conheçam a história. Mas como eles se sentiriam se eu andasse com meu cachorro através de Gettysburg?”

Flowers at headstone that marks the mass grave of fallen Jacobite soldiers of the clan Fraser on the Culloden Battlefield near Inverness, Scotland, UK. (Photo by: Arterra/UIG via Getty Images)

Flowers at headstone that marks the mass grave of fallen Jacobite soldiers of the clan Fraser on the Culloden Battlefield near Inverness, Scotland, UK. (Photo by: Arterra/UIG via Getty Images)

O National Trust for Scotland está supostamente na esperança de replantar a área ao redor do monumento. Enquanto isso, a autora da série Outlander, Diana Gabaldon, analisou o fenômeno com uma mensagem não tão sutil para que os fãs pisassem levemente em terreno tão sagrado.

 

“Katey Boal e sua equipe fazem um trabalho maravilhoso em conservar, curar e apresentar essa parte preciosa da herança da Escócia, e tenho certeza de que todos os fãs de Outlander são mais do que agradecidos por seus esforços, e tenho certeza que eles farão de tudo para apoiá-los”, escreveu.

 

Leia também